Criança indígena de cinco anos é sequestrada, estuprada e assassinada em Barreirinha/AM

Publicado por | dezembro 15, 2020 | Homicídio

A pequena indígena Ana Beatriz, de apenas cinco anos de idade e moradora da comunidade Sateré Mawé Nova Vida, na região rural de Barreirinha (distante 512 quilômetros de Manaus) foi sequestrada de casa, estuprada e assassinada por asfixia. O corpo da criança será enterrado nesta terça-feira (24).

Segundo informações que passou à polícia, a mãe da criança percebeu que a rede dela estava vazia por volta das 2h desta segunda-feira (23). Imediatamente, ela acionou o alarme da comunidade e as buscas começaram.

O corpo de Ana Beatriz foi localizado às 15h. O pai da criança estava em Parintins e voltou para Barreirinha assim que soube do crime. Junto com ele, foi uma equipe do Distrito Sanitário Especial Indígena de Parintins (Dsei Parintins).

O médico da equipe disse que a menina estava com a vagina dilacerada e com hematomas no pescoço e na boca. Um dos suspeitos já foi preso e dois estão sendo procurados.

GOSTOU DESTE POST? COMPARTILHE
Insultos, racismo e incentivo ao suicídio não serão toleráveis nos comentários. Seu IP pode ser banido, antes mesmo da aprovação por um admin. Em caso extremo, seu IP será repassado para as autoridades locais.

Comentário Fechado